Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.pgsskroton.com//handle/123456789/24070
Title: ENFERMAGEM NAS AÇÕES EDUCACIONAIS EM SAÚDE: QUALIDADE DE VIDA AOS PACIENTES HEMODIALÍTICOS
Authors: CAMPOS, VALÉRIA RODRIGUES
Type: Trabalho de Conclusão de Curso
Keywords: Equipe de Enfermagem;Qualidade de Vida
Issue Date: 2018
Abstract: O presente estudo tratou do tema da qualidade de vida na hemodiálise como um desafio a ser vencido nas unidades de nefrologia que recebe pacientes graves, portadores de doenças renais crônicas e que são submetidos à hemodiálise. Buscou-se responder de que maneira o profissional de enfermagem pode trabalhar para propiciar uma assistência prestada aos pacientes portadores de doenças renais crônicas de modo a promover a qualidade de vida deles nas unidades de nefrologia. O objetivo foi compreender as possibilidades de atuação centrada na educação em saúde realizada pela equipe de enfermagem de modo a promover a qualidade de vida aos pacientes hemodialíticos. A metodologia adotada contou com um levantamento bibliográfico acerca da temática da importância da atuação do enfermeiro na assistência prestada aos pacientes em unidades de nefrologia, especialmente no tocante a sua qualidade de vida com relação a assistência prestada aos pacientes em hemodiálise refletindo os conceitos abordados, resumindo a aplicação dos cuidados necessários e focando especialmente na qualidade de vida desses pacientes na prática escolar. Verificou-se que o propósito maior é de fazer um convite à reflexão do ato de cuidar sendo a maneira como os pacientes percebem a sua atuação enquanto equipe de enfermagem e a opinião dos profissionais com relação aos colegas de profissão, ao ambiente de trabalho e a dificuldades que eles enfrentam, sempre buscando alternativas de melhorias para as dificuldades identificadas. Concluiu-se que a capacitação, o aperfeiçoamento e aprimoramento profissional da equipe de enfermagem, a princípio, parece ter alcançado o propósito de compreender as dificuldades que o enfermeiro encontra para prestar a assistência adequada ao paciente hemolítico, assim como entender também a percepção dos pacientes com relação a assistência que recebem. Ficou evidenciado que o profissional de enfermagem não pode se esquecer da essência de seu trabalho, que deve centrar-se no cuidar, não podendo depender da falta de recursos e pessoal, mas sempre mostrando-se humano no cuidado e na preocupação com a qualidade de vida do paciente.
URI: https://repositorio.pgsskroton.com//handle/123456789/24070
Appears in Collections:Trabalhos de Conclusão de Curso

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
VALERIA RODRIGUES CAMPOS_DEFESA.pdf
  Restricted Access
360.06 kBAdobe PDFView/Open Request a copy


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.